Menu fechado

Joel Schumacher

Joel Schumacher

Joel Schumacher: muito raramente se encontra alguma pessoa que não tenha assistido algum filme do Batman ou ouvido falar sobre um deles. Isso muito se deve ao trabalho de Joel Schumacher. O diretor ianque dirigiu diversos filmes do homem-morcego, e ajudou a tornar o super herói ainda mais famoso. Joel Schumacher não dirigiu apenas filmes de super-heróis, ele também teve participação na famosa série House of Cards e em outros longa metragens.

O fato de Joel Schumacher nunca ter recebido uma estatueta do Oscar em hipótese alguma diminui o brilho de sua carreira como diretor.

Joel Schumacher também foi diretor da obra “ The Phantom of the Opera” no ano de 2004, que era mais uma adaptação cinematográfica da clássica obra. Joel Schumacher além de filmes e séries arriscou um pouco na parte musical, não cantando mas sim dirigindo videoclipes de algumas músicas como “Kiss me from Rose” e algumas outras que integraram a trilha sonora de batman.

A biografia de Joel Schumacher

A biografia de Joel Schumacher tem sua origem no vigésimo nono dia do mês de Agosto do ano de 1939, ou seja, ele pertence a primeira metade do século XX. O local foi a gigantesca cidade de Nova York. Ele foi filho do casal Francis Schumacher e Marian Kantor Schumacher, sua mãe era originária da Suécia. Sua educação básica se deu na mesma cidade em que veio ao mundo, na cidade que nunca dorme. De acordo com a biografia de Joel Schumacher.

Quais os principais filmes de Joel Schumacher?

O diretor Joel Schumacher dirigiu esteve a frente de diversos filmes, mas ele ficou famoso pelos seus filmes do Batman.

Quais prêmios Joel Schumacher ganhou

Ele recebeu indicações a prêmios tanto no festival de Berlim como em Cannes por filmes como “8mm” e “Falling Down”, além de o filme “O fantasma da ópera” ter recebido três indicações ao Oscar.

Como Joel Schumacher morreu?

Aos oitenta anos de idade diretor de cinema Joel Schumacher veio a óbito por complicações com o câncer.

Porém, o diretor não passou a vida inteira dentro da Big Apple, segundo a biografia de Joel Schumacher ele graduou-se na Universidade da Califórnia, na famosa cidade de Los Angeles, que é uma das mais renomadas do mundo. A biografia de Joel Schumacher diz que o cineasta teve aproximadamente quarenta e seis anos de carreira, o que realmente é muito tempo, sendo que dirigiu 30 filmes e algumas séries televisivas.

A história de Joel Schumacher

A história de Joel Schumacher é totalmente entrelaçada com seus filmes, sendo quase impossível dissociar a sua história de sua arte. O primeiro filme de sucesso que dirigiu foi “ O primeiro ano do resto de nossas vidas” que estreou em 1985 que retrata a realidade de amigos que acabaram de se formar e tem que encarar a insegurança tando do lado emocional como do profissional. Essa nova realidade coloca suas amizades em cheque. Esse filme foi muito importante para a história de Joel Schumacher, pois abriu a porta para outros trabalhos.

Outro longa que marcou a história de Joel Schumacher foi a adaptação da obra literário o fantasma da ópera, que recebeu 3 indicações ao Oscar e teve um orçamento milionário que estava na casa dos 60 milhões. Esta obra que marcou a história de Joel Schumacher contava com atores de peso como Gerard Butler, que interpretou o fantasma e Emmy Rossum, que ficou com o importantíssimo papel de Christine.

Joel Schumacher House of Cards

Joel Schumacher deixou sua marca também na popular série House of Cards, da netflix. O diretor esteve presente na confecção de dois episódios da série, o quinto e o sexto capítulo da primeira temporada, que foi ao no ano de 2013. Num total de setenta e três episódios distribuídos por seis temporadas, estar presente em dois não parece muita coisa, porém era a primeira temporada e as seguintes obviamente dependiam do sucesso da primeira para poderem ser produzidas. O foco da série é drama político.

Os filmes de Joel Schumacher

Os filmes de Joel Schumacher não se resumem aos filmes do morcegão. Embora o filme “Reféns” não tenha sido um dos melhores do diretor, ele foi o último produzido, foi ao ar em 2011 com um pouco mais da metade do orçamento de “O fantasma da ópera” e contava com nomes de muito peso como Nicolas Cage e Nicole Kidman. Um fato curioso é que dentre todos os filmes de Joel Schumacher o ator N. Cage trabalhou em dois deles.

Outro destaque entre os filmes de Joel Schumacher é o curioso fato de o filme “Número 23” ter sido o vigésimo terceiro trabalho dirigido por Joel. Este filme teve sua estreia nos cinemas ao longo do ano de 2007, o ator Jim Carrey teve o papel principal e o filme também contou com um pouco mais da metade do orçamento da adaptação de “O fantasma da ópera”, ou seja, isso não é uma novidade para os filmes de Joel Schumacher.

Joel Schumacher Batman e Robin

Certamente o filme Batman e Robin foi um dos mais importantes filmes de Joel Schumacher. Ele recoloca a dinâmica dupla de super-heróis dos quadrinhos na telona. O filme foi ao ar no ano de 1997 e foi o segundo filme dele como o tradicional e sombrio personagem. O filme teve um incrível orçamento de 110 milhões de dólares, o que era muito para a época (não que seja pouco hoje). O elenco contava com figuras mais que famosas no cinema, como George Clooney no papel do mocinho e Arnold Schwarzenegger no papel de vilão. Uma curiosidade é que caso Arnold não aceitasse o papel, a segunda opção era Sylvester Stallone, o ator de Rocky Balboa.

Joel Schumacher filmografia

Joel Schumacher filmografia também possui outros títulos, como por exemplo: o filme “Renascido das trevas” que foi para as telonas ao longo do ano de 2008, a história se passa no período entre guerras, no estado da Virgínia onde uma família de origem alemã recebe uma proposta para abrigar um professor, que tinha alguns planos em mente. A história vai se desenrolando a partir daí, e gira em torno de um plano de vingança. Uma curiosidade é nesse filme de Joel Schumacher filmografia o diretor entrou em detrimento com o roteirista diversas vezes ao longo da produção, alterado o roteiro por conta própria. Mas no final, mesmo com conflitos o filme saiu.

Um outro filme de Joel Schumacher filmografia que merece ser citado é “Tempo de matar” que gira em torno de um crime cometido por dois homens, que espancam e abusam de uma garota jovem. Eles acabam presos, mas o pai da garota acaba por fazer justiça com as próprias mãos em público. Esse filme do ano de 1996 contou com uma produção milionária de cerca de quarenta milhões de dólares. O filme acabou lucrando mais que o triplo do valor do orçamento, foi um sucesso de Joel Schumacher filmografia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *