Menu fechado

Nelson Mandela

Nelson Mandela

Nelson Mandela: Ele talvez seja o rosto mais conhecido que habitou o planeta terra no século XX, Nelson Mandela deu novos rumos para a África do Sul. Seu nome é associado a resistência luta por igualdade e acima de tudo, liderança. Nelson Mandela, ao longo de sua vida, recebeu mais de um quarto de milhar de honrarias por todos os cantos do mundo, inclusive os dois gigantes rivais da guerra fria, EUA e União Soviética o homenagearam com suas maiores condecorações.

Nelson Mandela sempre será lembrado como o homem que lutou contra o Apartheid, e direcionou a África do Sul para a democracia.

Nelson Mandela também recebeu o prêmio Nobel da paz na década de 90. Como todas a pessoas, ele também passou por diversos problemas pessoais, porém ele nunca abandonou seus objetivos, às vezes dando tanta atenção a eles que acabava por agravar seus problemas pessoais. Nelson Mandela ficou preso durante muitos anos, foi solto e foi eleito presidente da África do Sul com uma avassaladora porcentagem de mais de 60%. O que comprova toda a sua popularidade como líder.

A biografia de Nelson Mandela

A biografia de Nelson Mandela tem seu início no décimo oitavo dia do mês de Julho do ano de 1918. O canceriano é oriundo do vilarejo de Mvezo, que pertence a território Sul Africano. Consta em a biografia de Nelson Mandela que o revolucionário era integrante de um nobre grupo familiar de uma tribo na região. Fato esse que o possibilitaria ocupar um cargo de liderança mesmo que não tivesse optado por tomar novos rumos fora de sua tribo. Ele rejeitou esse destino, e partiu em direção a capital e mais famosa cidade sul africana, Joanesburgo, enquanto ainda era um jovem promissor.

Segundo a biografia de Nelson Mandela, ele dirigiu-se a capital e optou por cursar direito, na Universidade de Fort Hare. Ela era um instituto de nível superior recente, que havia sido fundada a pouco mais de duas décadas, e um número limitado de alunos. Todavia, ela era especial, pois foi a primeira a oferecer cursos para negros no país, que passava por muitos conflitos étnicos e raciais em decorrência da colonização. De acordo com a história de Nelson Mandela, como a universidade era uma das poucas fontes de conhecimento, ela habilitava seus graduandos a tornar-se influentes por meio da informações que obtinham. Foi lá que ele começou a ter suas primeiras atuações políticas.

A história de Nelson Mandela

Segundo a história de Nelson Mandela, foi em sua universidade que ele criou os laços mais fortes. Muitos de seus colegas tenham os mesmo ideais do futuro presidente, não por acaso alguns deles integrariam altos cargos de liderança no Congresso Nacional Africano. De acordo com a história de Nelson Mandela, foi lá que ele começou a superar diferenças tribais, o que ainda é um problema atual em muitas regiões da África, e a ONU atua para amenizar. Rivalidades tribais já existiam no continente antes da colonização europeia, contudo elas foram amplificadas e articuladas para facilitar o controle dos colonizadores no continente.

Onde Nelson Mandela nasceu?

O grande ícone Nelson Mandela nasceu na vila Mvezo, que pertence à África do Sul.

Como Nelson Mandela fez diferença?

Ele lutou pelos seu ideais democráticos, entrando em choque contra o maior regime segregatório da história, não cedeu sua posição política em troca da liberdade e comandou a transição da África do Sul de um regime abominável para um democrático em que todos têm direito.

Como Nelson Mandela morreu?

Nelson Mandela faleceu em sua própria casa, enquanto tratava de uma infecção pulmonar. Sua morte foi registrada no quinto dia de Dezembro do ano de 2013.

Conta a história de Nelson Mandela que ele atuou num protesto que visava melhorar a alimentação dos estudantes naquela universidade. Os jovens sabotaram o pleito do conselho estudantil, não votando. Entretanto alguns alunos votaram e conta a história de Nelson Mandela que ele foi eleito. Ele não queria assumir o cargo no conselho que havia sabotado, mas o reitor o colocou numa posição desconfortável, onde ele deveria assumir o cargo ou abandonar a instituição. Convicto de seus princípios ele abriu mão de seu curso de direito. No ano de 1944 o lendário ícone casa-se com Evelyn Mase, com que teve quatro filhos. Mesmo ano que filia-se a Liga Juvenil do CNA, que lutava por posição de igualdade com os brancos. Lá ele ganhou muita popularidade, tornou-se secretário. Porém o triunfo do Partido Nacional no pleito de 1948 abriria as portas para o maior regime segregatório que o mundo viu.

A educação de Nelson Mandela

Em sua formação básica Nelson Mandela pode ter bastante contato com os estudos, ele por fazer parte de uma família nobre no local pode ter mais acesso à educação, passou a ter contato e informação com o mundo que existia fora do ambiente de sua tribo e desenvolveu um forte senso crítico. Estudou em locais como o instituto Clarkebury B. e o colégio Healdtown. Também teve ´passagens pelo ensino superior, mas optou por abandonar o curso de direito para poder ser leal a seus ideais.

Quem foi Nelson Mandela

Para falar sobre quem foi Nelson Mandela precisamos lembrar que ele pertenceu a linha frontal contra o apartheid. Assim que o regime foi instaurado o líder passou a assumir a presidência dos movimentos que participava, como a CNA. Tornou-se secretário e cada vez mais ganhava voz e popularidade na sua luta pela igualdade racial. As leis que segregavam o país eram cada vez mais rígidas e absurdas, impossibilitando-o de locomover-se para suas reuniões. Para explicar quem foi Nelson Mandela é importante lembrar que por causa da sua luta, ele não conseguia dar atenção a sua família, isso fez com que seu casamento terminasse em divórcio, ao longo da década de cinquenta. Porém ele viria a casar-se novamente na mesma década.

Para responder quem foi Nelson Mandela é preciso lembrar que ele foi acusado e perseguido algumas vezes. Na década de 60 ele foi acusado de conspirar contra o Governo, e de ser o mentor de algumas greves. Ele usou o espaço que teve em seu julgamento para fazer seu discurso político, que teve forte repercussão mundial. Talvez essa repercussão tenha pesado para que não recebesse pena de morte aquela altura. Mas foi sentenciado à prisão perpétua. Porém, seu discurso era livre, e mesmo com a censura e tornou-se popular, tanto em seu país como em todos os continente. Mandela ficou 27 anos preso, e para responder quem foi Nelson Mandela é preciso lembrar que ele foi o homem que não desviou sua conduta ou posição política para obter sua liberdade. Ele manteve seus ideais e foi liberto por muita pressão popular, nacional e internacional. Posteriormente foi eleito, democraticamente, o primeiro presidente do novo regime sul-africano, e comandou a transição do apartheid para um regime onde todos poderiam conviver.

Livro de Nelson Mandela

Quando falamos do livro de Nelson Mandela temos que ter em mente que o que não falta são opções. Como por Exemplo: “Cartas da prisão de Nelson Mandela”, o livro trás detalhes a respeito do longo período de quase trinta anos que ele ficou preso, neste período ele ficou mantido em três prisões diferentes. E o livro conta detalhadamente informações do líder por meio de correspondências nesse período. Porém existem possibilidades para um livro de Nelson Mandela.

Outro livro de Nelson Mandela é “Os caminhos de Mandela”, o escritor viveu alguns anos junto a Nelson Mandela, isso proporcionou um relação de amizade entre os dois. Fazendo que esse livro de Nelson Mandela seja bem fiel à realidade. Uma curiosidade a respeito dele é que o prefácio do livro desta obra foi escrito pelo próprio presidente sul-africano, o que o torna bem mais valioso em questão de conteúdo.

O filme de Nelson Mandela

Nelson Mandela é um dos rostos mais conhecidos do século XX. Isso por sí só já é motivo de inspiração para biografias, filmes e documentários. Diversos filmes apresentam a história do mais famoso presidente sul-africano, por ângulos diferentes mas sempre visando o próprio ou sua luta. O filme “Invictus” é um deles, que foi produzido pela WB, e Mandela é interpretado por Morgan Freeman. Existem muitos outros que o tem como tema, como “Mandela, luta pela liberdade”. Inúmeros documentários sobre o regime do apartheid trazem informações sobre ele.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *